JORNAL REPUBLICANO PRESS

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

CONTREIRAS FELICITA DONALD TRUMP PELA SUA ELEIÇÃO À PRESIDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS


REPUBLICANO PRESS
Luanda, 9 de Novembro de 2016

 

CONTREIRAS FELICITA   DONALD TRUMP PELA SUA ELEIÇÃO À PRESIDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS

Líder da Oposição angolana  saudou o seu correligionário Trump,
novo presidente da América.
 
 
O presidente do Partido Republicano de Angola (PREA), Carlos Alberto Contreiras Gouveia, felicitou  o seu correligionário, Donald J Trump, pela vitória merecida conquistada ontem às eleições presidencias dos Estados Unidos da América, depois de uma longa batalha enfrentada pelo candidato do partido Republicano norte americano.
Carlos Contreiras disse que Donald Trump é um verdadeiro líder preparado para fazer América grande outra vez.
“O Partido Republicano de Angola, o  povo angolano e os Estados Unidos da América têm trabalhado juntos na promoção da paz, direitos Humanos e democracia”.  “Sei que é um grande líder que que vai “Fazer América Grande Outra Vez,” disse Contreiras.
“Também acredito que o novo governo dos Estados Unidos da América sob o seu comando, vai contribuir grandemente com a comunidade internacional no combate o terrorismo,  a corrupção e a  ditadura, e manter a paz e a estabilidade no mundo”, refere a carta de Carlos Contreiras datada de 9 de Novembro.
“Queira aceitar as minhas calorosas congratulações pela  histórica vitória da sua Eleição para Presidente dos Estados Unidos da América e Comandante Em-Chefe. Desejo-lhe melhores sucessos, agora que se prepara para assumir as futuras responsabilidades com as mudanças neste seu mais alto cargo,” lê-se na carta.


Na carta dirigida a Donald Trump, divulgada na página do Jornal Republicano Press do Partido Republicano de Angola na Internet, esta manhã, Carlos Contreiras, disse que o presidente Trump pôde continuar a contar com a sua amizade e o seu verdadeiro apoio, dos angolanos e do seu partido, o PREA".


Deus  abençoa a si e a sua amada família e o povo norte americano em nome da humanidade” lê-se na parte final da carta assinada por.
Donald Trump venceu o escrutínio no mais importante estado da Flórida, cujos 29 votos eleitorais são fundamentais  para decidir quem   será o futuro Presidente dos Estados Unidos. Trump conquistou 26 estados e a sua adversária democrata, Hillary Clinton, ganhou 17.

De acordo com projeções e resultados parciais divulgados em tempo real pela estação televisiva CNN, Trump conquistou a Florida, Ohio, Oklahoma, Tennessee, Georigia, Mississippi, Alasca, Virginia Ocidental, Carolina do Sul, Alabama, Iowa, Missouri, Nebraska, Indiana, Kentucky, Kansas, Louisiana, Nevada, Nebrasca, Wyoming, Utah, Idaho, Carolina do Norte, Dacota do Norte, Dacota do Sul, Texas e Arkansas, o que perfaz um total de 264 votos eleitorais, até agora.

Clinton ganhou em Nova Iorque, Califórnia, Oregon, Hawaii Illinois, Washington, Nova Jérsia, Massachusetts, Virginia, Novo México, Maryland, Rhode Island, Connecticut, Delaware, Washington D.C. e Vermont, obtendo 215 votos eleitorais dos 270 necessários (de um total de 538) para garantir a eleição. Para ganhar, um dos candidatos precisa de ter 270 delegados.

Florida, Nevada, Carolina do Norte, Virginia e Pensilvânia são os cinco estados norte-americanos chamados "swing states", que poderão ser decisivos nestas presidenciais.

APOIO DE CONTREIRAS AO CANDIDATO REPUBLICANO “TRUMP”

Recordamos que Carlos Contreiras apoiou  a candidatura de Donald J Trump desde o (day one), dia que o candidato republicano Donald Trump anunciou a sua candidatura para Presidente dos Estados Unidos.  Carlos Contreiras   esteve junto de Donald Trump em várias frentes e ocasiões, liderando a plataforma de opoio estratégico internacional de “TRUMP GLOBAL SUPPORT”, onde Contreiras se destacou de forma grandiosa ao longo da campanha de Donald Trump nos Estados Unidos e no exterior.

Carlos Contreiras é  o cabeça de lista do PREA, também candidato às eleições presidenciais em Angola em 2017. O partido que lidera, o PREA  é uma força viva na oposição em Angola com mais de cinco milhões de membros militantes.

O Partido Republicano de Angola-PREA está implantado em todo território nacional com representações  a nível internacional. O PREA foi fundado em Massachusets, nos Estados Unidos da América, em Agosto de 1994, por Carlos Contreiras.
...............................................................................................................................
Saiba mais: Read more:
DR. CONTREIRAS´S LETTER SENT TO DONAL TRUMP, PRESIDENT OF THE UNITED STATES
CARTA DO PRESIDENT CONTREIRAS ENVIA AO PRESIDENTE ELEITO
DOS ESTADOS UNIDOS

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

V CONGRESSO REPUBLICANO ELEGEU CONTREIRAS

REPUBLICANO PRESS
Luanda, 10 de Setembro de 2016


V CONGRESSO REPUBLICANO ELEGEU CONTREIRAS

A Assembleia Eleitoral do V Congresso do Partido Republicano de Angola (PREA), elegeu Carlos Alberto Contreiras Gouveia para mais um mandato de 5 anos.
 
Carlos Contreiras foi eleito com 3051 votos a favor, 0 votos contra e 0 abstenções, contra a candidata Maria Nunes que obteve 1 voto a favor, 3050 votos contra e 0 abstenções.
 
O V Congresso foi unânime nas suas deliberações perante um universo de 3500 delegados que se reuniram em Luanda, no município da Maianga, duarante 4 dias de trabalhos, 6, 7, 8 e 9 de Setembro, onde analisaram a vida do PREA e do país, tendo em conta a grande responsabilidade dos republicanos angolanos liderados por Carlos Contreiras, o grande gênio pensador angolano.
 
Com a re-eleição de Carlos Contreiras, o PREA apresenta-se agora mais forte com uma nova dinâmica política centrada mobilização de um número superior de militantes que vão engrossar as fileiras do partido até Julho do próximo ano.
 
Segundo Carlos Contreiras, o seu partido considerá-se uma força política que está em pé de igualdade para enfrentar qualquer outra força política no país. "Somos uma força com pulmões, inteligência e espírito de angolanidade, preparada para governar Angola nestas futuras eleições gerais de 2017, e eu, Carlos Contreiras, serei o futuro presidente de Angola," afirmou o Líder da primeira força da oposição angolana extra-parlamentar, Carlos Contreiras.
 
A sessão do V Congresso aprovou igualmente a Resolução 2990/16, de 9 de Setembro de 2016, onde defende a convocação da eleições gerais para 21 de Julho de 2017, pelo Chefe do Executivo e do Governo angolano.
 
A resolução defende igualmente a necessidade do governo angolano e a CNE trabalharem no sentido de se evitar a contaminação do registo eleitoral por existência de um número de cidadãos estrangeiros ilegais no país com bilhete de identidade angolano. Defende ainda o registo de quinze milhões e quinhentos mil eleitores, contra os definidos pelo Ministério da Administração e a CNE, incluindo o registo dos angolanos residentes fora do país.
 
A resolução reafirma o apoio incondicional a Candidatura do Presidente Donald J Trump e felicita o Texas Republican Party (TRP, o Republican National Comity (RNC) e o National Republican Convention (TRC) pelo espírito de unidade e preservação dos valores morais do republicanismo ao serviço dos interesses do povo norte americano que terá pela frente uma grande responsabilidade nacional interna e global, com a eleição do President Donal J TRUMP.


No ponto 15 da referida resolução, o PREA apela o governo angolano para o reforço de medidas radicais de combate contra o terrorismo e suas fontes de sustentabilidade a todos os níveis, em paralela parceria directa com o Conselho de Segurança da ONU e os Estados Unidos da América.
Ainda nesta resolução 2990/16, o PREA exorta o presidente da Republica de Angola, Eduardo Dos Santos para tomada de medidas justas e apropriadas contra os recentes incidentes ocorridos na zona do Zango, município de Vianna, em Luanda, onde foi baleada mortalmente uma criança inocente.
A resolução considera urgente a necessidade de resolução dos problemas nacionais com vista atingir o desenvolvimento do país, consolidar a democracia e a paz permanente.

  O V Congresso Republicano contou com a presença da imprensa nacional e estrangeira e convidados de outras formações políticas nacionais.

_____________________________________________

RESOLUÇÃO 29910/16

V CONGRESSO REPUBLICANO ELEGEU CONTREIRAS

REPUBLICANO PRESS
Luanda, 10 de Setembro de 2016


V CONGRESSO REPUBLICANO ELEGEU CONTREIRAS

A Assembleia Eleitoral do V Congresso do Partido Republicano de Angola (PREA), elegeu Carlos Alberto Contreiras Gouveia para mais um mandato de 5 anos.
 
Carlos Contreiras foi eleito com 3051 votos a favor, 0 votos contra e 0 abstenções, contra a candidata Maria Nunes que obteve 1 voto a favor, 3050 votos contra e 0 abstenções.
 
O V Congresso foi unânime nas suas deliberações perante um universo de 3500 delegados que se reuniram em Luanda, no município da Maianga, duarante 4 dias de trabalhos, 6, 7, 8 e 9 de Setembro, onde analisaram a vida do PREA e do país, tendo em conta a grande responsabilidade dos republicanos angolanos liderados por Carlos Contreiras, o grande gênio pensador angolano.
 
Com a re-eleição de Carlos Contreiras, o PREA apresenta-se agora mais forte com uma nova dinâmica política centrada mobilização de um número superior de militantes que vão engrossar as fileiras do partido até Julho do próximo ano.
 
Segundo Carlos Contreiras, o seu partido considerá-se uma força política que está em pé de igualdade para enfrentar qualquer outra força política no país. "Somos uma força com pulmões, inteligência e espírito de angolanidade, preparada para governar Angola nestas futuras eleições gerais de 2017, e eu, Carlos Contreiras, serei o futuro presidente de Angola," afirmou o Líder da primeira força da oposição angolana extra-parlamentar, Carlos Contreiras.
 
A sessão do V Congresso aprovou igualmente a Resolução 2990/16, de 9 de Setembro de 2016, onde defende a convocação da eleições gerais para 21 de Julho de 2017, pelo Chefe do Executivo e do Governo angolano.
 
A resolução defende igualmente a necessidade do governo angolano e a CNE trabalharem no sentido de se evitar a contaminação do registo eleitoral por existência de um número de cidadãos estrangeiros ilegais no país com bilhete de identidade angolano. Defende ainda o registo de quinze milhões e quinhentos mil eleitores, contra os definidos pelo Ministério da Administração e a CNE, incluindo o registo dos angolanos residentes fora do país.
 
A resolução reafirma o apoio incondicional a Candidatura do Presidente Donald J Trump e felicita o Texas Republican Party (TRP, o Republican National Comity (RNC) e o National Republican Convention (TRC) pelo espírito de unidade e preservação dos valores morais do republicanismo ao serviço dos interesses do povo norte americano que terá pela frente uma grande responsabilidade nacional interna e global, com a eleição do President Donal J TRUMP.


No ponto 15 da referida resolução, o PREA apela o governo angolano para o reforço de medidas radicais de combate contra o terrorismo e suas fontes de sustentabilidade a todos os níveis, em paralela parceria directa com o Conselho de Segurança da ONU e os Estados Unidos da América.
Ainda nesta resolução 2990/16, o PREA exorta o presidente da Republica de Angola, Eduardo Dos Santos para tomada de medidas justas e apropriadas contra os recentes incidentes ocorridos na zona do Zango, município de Vianna, em Luanda, onde foi baleada mortalmente uma criança inocente.
A resolução considera urgente a necessidade de resolução dos problemas nacionais com vista atingir o desenvolvimento do país, consolidar a democracia e a paz permanente.

  O V Congresso Republicano contou com a presença da imprensa nacional e estrangeira e convidados de outras formações políticas nacionais.

_____________________________________________

RESOLUÇÃO 29910/16

PREA REALIZA V CONGRESSO REPUBLICANO

REPUBLICANO PRESS
Luanda, 8 de Setembro de 2016

PREA REALIZA V CONGRESSO REPUBLICANO



O PREA-Partido Republicano de Angola está a realizar o seu V CONGRESSO NACIONAL sob o lema "PREA COM OS ANGOLANOS, PELA ROTURA E MUDANÇA EM 2017".

Mais de 3000 delegados, sendo 145 delegados de cada uma das 18 províncias do país, com exeção Luanda, que se faz representar com 465 delegados e 121 delegados das Estruturas das Comunidades Angolanas no Exterior de Angola, estão reunidos em na Sala de Conferências do PREA, no município da Maianga, em Luanda, para eleger o novo presidente do PREA e decidir sobre o futuro do partido, bem como aprovar a estratéria eleitoral para 2017.

A reunião da Assembleia Eleitoral que arrancou no dia 6 do mês em curso, consta de uma Ordem de Trabalhos de cinco pontos destacando-se as duas candidaturas para a presidência do PREA, sendo uma de Carlos Alberto Contreiras Gouveia o actual presidente cessamte, e outra de Maria Elália Nunes.
A deliberações finais deste V Congresso Republicano estão marcadas para amanhã, sexta feira ,dia 9. Sobre este tão importante evento político, Carlos Contreiras que falou aos nossos microfones disse que apesar das dificuldades foi possível realizar o congresso mesmo nas condições de grandes dificuldades financeiras.

"Com o contributo (apoio) de todos os nossos membros, estamos aqui para fazer vincar o nosso compromisso com Angola e com os angolanos em nome da democracia e do republicanismo," rematou Carlos Contreiras o candidato consensual do PREA.

PERFIL DO PRESIDENTE DO PARTIDO REPUBLICANO DE ANGOLA-PREA

A minha foto
O Mestre Dr.Carlos Alberto Contreiras Gouveia, é um cêntrico-Cristão, nasceu no bairro Operário, município de Sambizanga, Luanda, República de Angola, numa modesta e humilde casa, aos 14 de Março de 1966. Tem 8 filhos. Doutorado em Ciências Políticas e Económicas pela Universidade de Boston, Massachusetts, Estados Unidos da América-USA. É jornalista, mestre 5º Dan de Karaté, poeta, compositor, escritor e filósofo. É fundador e líder do Partido Republicano de Angola-PREA. Contreiras é reconhecido mundialmente e, é hoje, considerado o maior exponente promotor da democracia na oposição política em Angola. A sua coragem, carisma, amor ao próximo e espírito de dedicação em prol da paz, constitui hoje o mais alto orgulho e grau de integridade moral e de patriotismo na dinâmica política, social e económica como resultado positivo de inovação do país. É um verdadeiro lutador sem tréguas contra a corrupção, o suborno, a ilegalidade e a ilegitimidade e as injustiças sociais. O objectivo primário do Dr. Contreiras é restituir a dignidade e os valores morais e culturais do povo angolano, preservando a paz, a unidade e recolciliação nacional e a democracia para o bem comum do povo angolano.